Depois de voltar do Uruguai com a vaga para as oitavas de final da Libertadores na bagagem, o Flamengo poupou quase todos seus titulares no jogo deste domingo contra a Chapecoense, pela 4ª rodada do Brasileirão. E diante de mais de 60 mil torcedores, o Rubro-Negro conseguiu deixar o Maracanã com a vitória: 2 a 1, gols de Vitinho e Lincoln – Gum descontou no fim.

Como fica a classificação

Com o resultado, o Flamengo chegou aos 7 pontos, subiu quatro posições e aparece em quinto na tabela. A Chape, por sua vez, é a 12ª colocada, com 4. Há ainda seis jogos para completar a 4ª rodada neste domingo. Veja a tabela.

Vitória (quase) tranquila

Mesmo sem seus principais jogadores, o time de Abel Braga não teve muitas dificuldades para vencer. Vitinho abriu o placar logo aos 7 minutos do 1º tempo após lindo passe de trivela de Trauco, e Lincoln ampliou aos 6 da 2ª tempo depois de cruzamento de Ronaldo. O Flamengo teve o controle do jogo, enquanto a Chape foi guerreira e descontou já nos acréscimos com Gum, de cabeça.


Diego quase é expulso e perde pênalti

O triunfo rubro-negro poderia ser ainda mais tranquilo. No fim do 1º tempo, Lincoln foi derrubado por Bruno Pacheco na área. Diego cobrou rasteiro no meio do gol e Tiepo fez a defesa. O meia, aliás, não estava no melhor de seus dias. Pouco antes correu o risco de ser expulso ao cortar com o braço uma cobrança de falta. Segundo a Central do Apito, o cartão vermelho poderia ter sido aplicado no lance. Substituído na 2ª etapa, Diego saiu sob misto de vaias e gritos de apoio.

Cadê o VAR?

Além do lance envolvendo Diego, o árbitro de vídeo também não foi acionado em outro episódio polêmico. Aos 30 do 2º tempo, Lincoln cabeceou e a bola bateu no braço de Gum, mas o árbitro deixou o jogo seguir. Segundo o comentarista de arbitragem Sandro Meira Ricci, a penalidade deveria ter sido marcada.

Para ganhar confiança


Lincoln, do Flamengo, comemora seu gol contra a Chapecoense com

Thuler e Vitinho (Fotos: Alexandre Vidal/ Flamengo/ Divulgação)

A partida serviu para jogadores do Flamengo que não estavam em alta recuperarem a confiança. Criticado por perder um gol feito contra o Peñarol, Vitinho foi o principal jogador do time no 1º tempo e abriu o caminho para a vitória. Após participação frustrante no Sul-Americano Sub-20, Lincoln também teve atuação de destaque. Piris da Motta, Ronaldo, Berrío, Rodinei e Trauco foram outros que fizeram boa partida.

Globo Esporte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui