Um motorista de aplicativo acabou morto após o marido de uma passageira sentir ciúmes por ele ter conversado com sua esposa.

O motorista de 24 anos foi chamado pelo aplicativo até uma UPA onde estava o casal, o autor do crime havia levado a moça, que está grávida, até o local pois ela estava passando mal.

A mulher na corrida sentou no banco da frente ao lado do motorista, que conversou com ela pois ela estava com uma tipoia no braço devido a um acidente de moto que havia sofrido semanas atrás. Durante o trajeto ele teria feito uma série de perguntas o que deixou o marido enciumado.

Ao chegar na frente da residência do casal, o homem desceu rapidamente e entrou na casa enquanto a esposa foi pagar a corrida. Minutos depois o homem voltou com uma arma e atirou a queima roupa no motorista. O motorista mesmo baleado tentou fugir mas bateu em dois carros e seu carro começou a pegar fogo. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

O autor do crime, identificado por Igor, se encontra fugitivo do sistema semi-aberto desde 2018, respondendo por um roubo . Até o momento ele não foi encontrado. Ele deverá ser indiciado por homicídio qualificado por motivo fútil.

 

Fonte: Massa News

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui